Voltar

Que cor escolher para o meu telhado?

Essa é uma questão de puro design, pois os projetos arquitetônicos evoluíram muito nos últimos anos e a indústria de telhas também seguiu essa tendência.

Se voltarmos algumas décadas, a maioria esmagadora das cores era a mesma (aquela coloração “laranja”), tornando-se referência para outras cores: cor de telha. Hoje não é mais assim, porém algumas dicas são válidas para se considerar, além do gosto de quem está comprando ou projetando.

As telhas de cores claras aplicadas em construções menores dão mais volume a obra. Servem de moldura para uma cor mais forte para as paredes e contraste para janelas e grades em tons neutros mais claros. Sendo muito usadas em regiões de temperatura mais alta, quase que por um fator cultural e percepção de calor.

Já as telhas mais escuras, contrastam muito bem com revestimento de tijolinhos ou estruturas que invistam em madeira, normalmente usadas em regiões de temperatura mais baixas.

Fato é que as telhas deixaram de ser apenas um componente de proteção da obra, assumindo forte apelo estético, valorizando os projetos e sendo composição importante no aspecto arquitetônico.

Não existe uma regra para a escolha das cores do telhado, o que importa é o cliente ficar satisfeito com a sua escolha, em harmonia com o projeto como um todo. Independente da cor, o essencial é que seja uma cobertura com desempenho e performance adequados, dentro de todas as normas de construção e segurança.

Fonte: Equipe técnica Telhas Perkus – www.telhasperkus.com.br